] Jornal Correio Popular
Ji-Paraná(RO), 25/05/2022 - 12:46
JORNAL CORREIO POPULAR DE RONDôNIA - Fone: 69-3421-6853 - E-mail: redacao@correiopopular.com.br


SÉRIE D
PVH terá entrada franca contra o Amazonas

Data da notícia: 2022-05-06 18:04:08
Foto: Assessoria/Divulgação
Os torcedores interessados já podem retirar os bilhetes em pontos separados pelo clube na cidade

Para lotar o estádio! O duelo entre Porto Velho x Amazonas FC terá entrada franca para o torcedor portovelhense. Será o segundo confronto em casa do PVH com essa medida. Contra o Humaitá (AC), a equipe realizou a mesma medida. A iniciativa partiu da diretoria da locomotiva.

Para entrar no Aluizão, o torcedor terá que retirar seu ingresso em um dos pontos disponibilizados pelo clube e apresentar no local no horário da partida. A retirada nos pontos é limitada a um ingresso por pessoa.

Porto Velho e Amazonas FC se enfrentam pela segunda rodada do Campeonato Brasileiro da Série D, neste sábado (7), às 15h30 (horário local).


Goleiro aposta em confiança

O Porto Velho tem vivido um momento positivo na Série D do Campeonato Brasileiro da Série D. Nas últimas duas partidas o goleiro Gelson ganhou a oportunidade de começar. E, ele ressalta a confiança do elenco do clube do que é possível fazer na competição.

“A gente é uma equipe que tem muita confiança dentro do que treinamos. É manter a média do que a gente vem produzindo.

Acreditávamos muito que traríamos, na última partida, o resultado na pior das hipóteses um empate. Chegamos lá colocamos tudo em prática, ao pé da letra, tudo o que o Tiago (Batizoco) nos passou”, disse.

Apesar dos 100% de aproveitamento, o pvh passou por alguns momentos de apuros na competição. Na partida contra o Humaitá (AC), os três pontos, vieram durante os acréscimos, contra o São Raimundo (AM). Para isso, segundo Gelson, a equipe precisou de força de vontade.

“A diferença está sendo a união do nosso grupo. Todos confiam nas peças de reposição. E, no trabalho do treinador”, revela.

Líder até aqui, agora, segundo o camisa um, vem a parte mais dispendiosa. Segundo ele, a força para se estabilizar é a mais complicada.

“Essa é a parte mais difícil: Se manter no topo. Temos procurado trabalhar cada vez mais, muita humildade, muito conjunto, porque ainda não conquistamos nada. Mas tenho certeza que estamos no caminho certo”, finaliza.


Fonte: ge.globo/ro


Compartilhe com seus amigos:
 




www.correiopopular.com.br
é uma publicação pertencente à EMPRESA JORNALÍSTICA CP DE RONDÔNIA LTDA
2016 - Todos os direitos reservados
Contatos: redacao@correiopopular.net - comercial@correiopopular.com.br - cpredacao@uol.com.br
Telefone: 69-3421-6853.